Apla-Apla apoia a formação da Frente Parlamentar pela Valorização do Setor Sucroenergético
Logotipo Apla Sugarcane
EN ES PT

Apla apoia a formação da Frente Parlamentar pela Valorização do Setor Sucroenergético

A Frente Parlamentar pela Valorização do Setor Sucroenergético foi lançada na semana passada, na Câmara dos Deputados, com a participação de lideranças das entidades do setor produtivo, usineiros, secretários de Estado, deputados, senadores, prefeitos e vereadores de todo o País. A frente, presiddida pelo deputado federal Arnaldo Jardim (PPS/SP) conta com o apoio de cerca de 300 parlamentares. O deputado Renan Filho (PMDB/AL) foi escolhido secretário-geral do colegiado.
O lançamento contou com a presença do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), senador Aécio Neves (MG), do primeiro-secretário da Câmara, deputado André Vargas (PT/PR), e do presidente do Fórum de Secretários de Energia, José Aníbal (SP).
Durante o evento, Arnaldo Jardim afirmou que a frente é uma iniciativa suprapartidária, "cujo objetivo é tirar o setor sucroenergético da paralisia em que se encontra". Ele afirmou que principal problema do setor é a falta de definição de políticas governamentais para colocar o etanol como uma matriz energética economicamente viável no País e que possibilitem a exportação dessa commodity.
Em seu discurso, o parlamentar pediu a união de todos em torno da criação de uma instância governamental que centralize e coordene as ações para o setor, “atualmente fragmentadas em diversos órgãos públicos”.
O diretor executivo do Apla (Arranjo Produtivo Local do Álcool) acompanhou o lançamento da Frente Parlamentar na Câmara dos Deputados. Castelar comentou que nos últimos anos é notável que o setor vem sendo penalizado com políticas que não favorecem ao etanol, com a estagnação do setor sucroenergético e com o fechamento de dezenas de usinas. “A Frente Parlamentar chega para propor uma nova força para o setor sucroenergético, com planejamento estratégico para a matriz energética brasileira, incentivo a inovação tecnológica, à exportação e, entre outros, a elaboração de políticas públicas de valorização dos fornecedores de cana”.

Piracicaba está entre as primeiras cidades a apoiar o movimento

O movimento começou em Piracicaba na sede da Coplacana com o apoio do deputado estadual Roberto Morais e dos deputados federais Antonio Carlos Mendes Thame e Arnaldo Jardim. Os parlamentares têm grande vínculo e identidade com o setor sucroenergético em Piracicaba e em todo o Estado de São Paulo.
Após algumas manifestações, o debate chegou ao município de Sertãozinho - outro grande polo sucroenergético no interior de São Paulo. Na ocasião, lideranças do setor e parlamentares propuseram a criação da Frente Parlamentar na Assembleia Legislativa de São Paulo e, logo em seguida a frente alcançava o nível nacional com o lançamento da Frente Parlamentar na Câmara dos Deputados em Brasília.
Em Piracicaba, a Coplacana organizou a ida de lideranças da cidade que acompanharam, levaram apoio e mais força à Frente Nacional. Entre os representantes do setor, estiveram Arnaldo Antonio Bortoletto, da Coplacana, José Coral da AFOCAPI (Associação dos Fornecedores de Cana de Piracicaba), Eduardo Zotelli e Erick Gomes, representando o Simespi e Flavio Castelar, diretor executivo do Apla e do Parque Técnológico Piracicaba.

*Com informações retiradas do site oficial do deputado federal Arnaldo Jardim.


http://www.flickr.com/photos/100056602@N07/sets/72157637562389393/


Assessoria de Imprensa: Luciana Corrêa (MTB 31881)
Telefone: (19) 3402-5573
E-mail: assessoria@ozoniopropaganda.com.br